Atividade de pontuação - Diálogo



 Vamos pontuar?

    Eu estava num banco da pracinha observando um menino A primeira coisa que notei foi que ele estava olhando continuamente para o céu Aproximei-me dele e disse-lhe
         Ei garoto O que você faz assentado aí
         Fico observando as nuvens
         Por quê
         Porque me sinto feliz
         O que você vê nas nuvens
         Vejo carneirinhos coelhinhos rostos e muitas outras coisas
         Mas eu olho para o céu e não vejo nada do que você vê

                         Se você prestar atenção verá mais do que eu Tente

                                         (Texto: Graça Batituci)


a)               Maria gritou
                        Olhe uma barata
                        Onde
                        No armário
                        Ah Que nojo


b)                            b)                O menino perguntou
                 Me empresta um lápis
                 Ih Só tenho um
                 E agora


c)                                               O filho perguntou para a mãe
Posso soltar pipa na rua
De jeito nenhum
Ah não Por quê
É muito perigoso
                       

d)               Você quer ir ao cinema
                       Não posso
                       Por quê
        
               Tenho que estudar
                       Que pena


e)                  O aluno perguntou
                         Tia posso repetir o lanche
                         Vá sem correr
                         Obrigada professora


f)                 A menina perguntou
                       Como é seu nome
                       Bianca
                       Que lindo nome

                     A mãe estava arrumando a casa e perguntou ao filho
                          Você pode me ajudar
                          Claro mamãe O que eu devo fazer
                          Lave o banheiro para mim
                          Oba Eu gosto disto
                         Que bom que eu posso contar com você, filho querido

Postagens Relacionadas

Comentários
0 Comentários

0 comentários