Anúncio

Leitura e Interpretação - A lebre e a tartaruga e Pepita a piaba


                                      A lebre e a tartaruga.
   Era domingo e a bicharada estava reunida.
   A lebre que se acha muito rápida fez um desafio:
   Nunca perdi uma única corrida em toda a minha vida. Desafio todos a tentarem me vencer.
   A tartaruga aceitou  imediatamente.
   Moleza! zombou a lebre.
   Não tenha tanta certeza! disse a tartaruga calmamente.
   A raposa foi escolhida para ser a juíza da prova.
   Ao sinal as duas partiram.
   A lebre saiu em disparada e a tartaruga ia bem devagarzinho.
   Lá na frente, a lebre olhou para trás e nada da tartaruga. Então, deitou em baixo de uma árvore e acabou pegando num sono profundo que até sonhou.
   A tartaruga continuou a caminhada e acabou passando a lebre.
   Quando a lebre acordou, era tarde demais, pois a tartaruga estava cruzando a linha de chegada e toda a floresta estava em festa comemorando a vitória da tartaruga.
                                                                                     Fábula de Esopo.
1- Quem desafiou a bicharada para apostar uma  corrida?
(A) A tartaruga.
(B) A raposa.
(C) A lebre.
(D) A tartaruga e a lebre.
______________________________________________________________________________
2- No texto a frase: “Moleza! zombou a lebre”, significa que:
(A) A lebre se achava mais rápida que a tartaruga.
(B) A raposa iria ajudar a lebre a ganhar a corrida.
(C) A lebre iria enganar a tartaruga.
(D) A lebre era muito mole.
______________________________________________________________________________
3- Durante a corrida a lebre deitou embaixo da árvore porque:
(A) ela estava muito cansada.
(B) ela viu que a tartaruga estava na sua frente.
(C) ela viu que a tartaruga ia bem devagarzinho.
(D) ela estava com sono.
______________________________________________________________________________
4- A tartaruga venceu a corrida porque:
(A) a lebre estava muito cansada.
(B) a lebre deixou a tartaruga ganhar.
(C) a lebre estava muito devagar.
(D) a lebre deitou e dormiu durante a corrida.
                                                      



Pepita a piaba.
   Lá no fundo do rio, vivia Pepita: uma piaba miudinha.
   Mas não gostava de ser assim.
   Ela queria ser grande... bem grandona...
   Tomou pílulas de vitaminas... Fez ginástica de peixe... Mas nada...
   Continuava miudinha.
   O que é isso? Uma rede?
   Uma rede no rio! Os pescadores!
   Ai, ai, ai... Foi um corre-corre... Foi um nada-nada...
   Mas... muitos peixes ficaram presos na rede.
   E Pepita?
   Pepita escapuliu... Ela nadou, nadou pra bem longe dali!
_____________________________________________________________________________              
1- Segundo o texto Pepita queria
(A) ser uma piaba linda.
(B) continuar miudinha.
(C) praticar esporte.
(D) ser grande, bem grandona.
______________________________________________________________________________
2- Pepita tomou pílulas de vitaminas para
(A) emagrecer.
(B) nadar melhor.
(C) ficar forte.
(D) crescer.
______________________________________________________________________________
3- O que provocou um corre-corre e um nada-nada no rio?
(A) A ginástica de peixe.
(B) A rede dos pescadores.
(C) O efeito da pílula de vitamina.
(D) Um concurso de peixes.
_____________________________________________________________________________
4- Por que Pepita conseguiu escapar da rede dos pescadores?
(A) Porque ela era miudinha.
(B) Porque tinha um buraco na rede.
(C) Porque ela era muito esperta.
(D) Porque ela foi salva por outro peixe.
______________________________________________________________________________
5- Na frase: “ — O que é isso? Uma rede?” A fala do personagem é indicada:
(A) pelo ponto de interrogação.
(B) pelo uso do travessão.
(C) pela letra maiúscula no inicio da frase.
(D) Não há fala de personagem.
_______________________________________________________________________________
6- Na frase: “ Uma rede no rio! Os pescadores!” A pontuação no final das frases indicam:
(A) comemoração.      (B) felicidade.      (C) indiferença.         (D) apavoramento.
Comentários
0 Comentários
Created By Sora Templates